quinta-feira, 21 de junho de 2007

A vaca que todas nós queremos ser

Seria eu uma vaca muito da pretenciosa se eu me achasse capaz de listar aqui todos os tipos, espécies e sub-espécies de bovinas. Mas sempre que algum me ocorrer, sempre que eu me deparar com alguma novilha diferente, corro para contar e dividir minhas informações.

Por exemplo, ontem, num papo pelo msn com um amigo meu - aquele que sempre me procura para falar de seus rolos - conheci mais um tipo.

Vaca-inesquecível: Juro que não sei o que a faz ser assim. Se eu descobrir, engarrafo e vendo, para ficar rica e garantir a educação do meu filhote. É aquela vaca que por algum motivo, que não vem ao caso, não está mais na vida do cara. Mas sempre volta para assombrá-lo. É o modelo de mulher-vaca ideal do pobre assombrado e isso acaba com qualquer possibilidade de outro relacionamento dar certo. Tomemos o caso desse meu coitado amigo: diante da endeusada ex-vaca, todas as outras vacas são chatas, burocráticas (hã? foi isso que ele me disse!), frias, sem imaginação... Talvex a ex-novilha nem fosse tudo isso. Mas... Vaca-diva... Eu quero ser assim.

3 Comentários:

Blogger Claudio disse...

Claro que existem vacas inesquecível....tem por exemplo a....aquela do.... bem, no momento não me ocorre nenhuma. Mas que tem tem.

abs

21 de junho de 2007 10:52  
Blogger DM disse...

Ai AP, voce certamente já fui algum dia a Vaca-Divã de um boi ?
Quem já não foi ... De vez em quando até me sinto Divã, quando tô cheirosa, depilada, recém saída do cabeleiro, e aí o boi me chama pro "abate" ... Juro, nestas ocasiões, me sinto, simplesmente VACA-DIVA !!! IGUALZINHA AQUELA DA PROPAGANDA DO SABONETE LUX !!!

21 de junho de 2007 18:01  
Blogger Beth disse...

No momento estou me sentindo apenas vaca sem classificação. Acho que estou uma vaca desclassificada.
Ahhhhh
mu

24 de junho de 2007 12:08  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker