sexta-feira, 13 de julho de 2007

Minha querida vaca apaixonada...

Vaca! Vaca! Vaca! Mil vezes vaca! Como você foi cair nessa mais uma vez? Tanto que eu te disse. Te avisei. Implorei... Abra os olhos! Pense antes de falar. Procure os significados ocultos em cada palavra que escuta. Controle seus impulsos! Desconfie antes de acreditar. Vaca, vaquinha querida...

Eu, chata como um Grilo Falante (o inseto, DM!) da sua consciência, lhe pedindo, pense antes de se apaixonar mais uma vez! Você, deslumbrada como uma adolescente, vai, de beijo em beijo, de palavra em palavra, de noite em noite, caindo na tentação. Que tentação? Ora, a tentação de se apaixonar!

Já se esqueceu dos tropeços anteriores? Das promessas quebradas ou não cumpridas? Das vezes em que, chorando, veio pedir socorro e colo? Mas dessa vez, bezerra, não venha me chorar pelo leite derramado. Se ele se derramar...

Agora está você aqui, diante de mim, apaixonada pela milésima vez. Olhos brilhantes. Febris! A pele está luminosa, a aparência, fantástica. As palavras saem da sua boca aos borbotões, misturadas com risos e gargalhadas e nem sempre fazem o menor sentido. Os homens agora lhe olham na rua como se, num passe de mágica, você passasse de invisível a Gisele... As outras vacas do curral lhe olham de rabo de olho, desconfiando que a súbita beleza radiante que você esfrega na cara delas tem a ver com paixão. O quê? Não acha que é paixão, é amor? Ah, tenha a santa paciência, agora estamos falando de amor? Não, não, não, não, não. Amor, não! Não caia nessa, amiga, lhe imploro.

Ah, tarde demais... Mas... Lindinha, pensando bem, até que essa felicidade lhe cai bem, sabia? Você já se olhou no espelho? Ah, esqueça seus e os meus medos. Não dê ouvido aos meus conselhos desconfiados de tia solteirona. Se esse cara for "o" cara, ótimo. Se não for, querida, use a sapiência de certa vaca loura, relaxa e aproveita enquanto der. Se largue, se jogue... Mas use o cinto de segurança do "pé atrás"! E, se precisar de colo...

13 Comentários:

Blogger Claudio disse...

Resumindo: parece que a vaca foi pro brejo.

bjs bovinos

13 de julho de 2007 09:29  
Blogger AP disse...

E está feliz da vida, aquela vaca! rs

Beijos, querido, boa sexta!

13 de julho de 2007 09:45  
Blogger Fabi disse...

Me joguei...
Quero colo, rs

13 de julho de 2007 10:00  
Blogger AP disse...

Fabi... Eu também! rs...

13 de julho de 2007 10:02  
Blogger Fabi disse...

Estamos ferradas, rs

13 de julho de 2007 12:38  
Anonymous Anônimo disse...

Se apaixonaram? Ahahah! Estão ferradas! Muito ferradas! Como eu... rs... Rs, o caramba! Estamos rindo de quê???

Virginie

13 de julho de 2007 12:45  
Blogger Fabi disse...

Virgine
Rindo de como somos otárias e ainda caímos nos papinhos furados que ouvimos.
Rir de si mesmo é bom, nao é?

13 de julho de 2007 13:55  
Anonymous Sunda disse...

mas estar apaixonado (a) é bom ... aproveita o momento enquanto eles não fazem palhaçada ...

enquanto isso ... sou um bovino desapaixonado ... =(

13 de julho de 2007 14:16  
Blogger AP disse...

Ah, Fabi... Você está certa! Otárias, sim. E ingênuas, pois ainda acreditamos em papinhos, nos mesmo papinhos... Mas nunca poderão nos acusar de amargas... Pois rimos de nós mesmas! rs

Sunda... É, sábio conselho. O momeno é de aproveitar... E você, não se preocupe não... Paixões acontecem quando a gente menos imagina!

13 de julho de 2007 14:27  
Blogger DM disse...

Nossa gente,quanta apreensão bovina desnecessária. Se apaixonar é melhor coisa do mundo... Início de romance é tudo de bom... Hormônios a mil, pele linda, ânimo, disposição, tensão adorável a cada novo encontro, tesão, sex-appeal de vaca em alta! É tudo isso que dá um certo sentido a vida, então porque não viver tudo isso com serenidade e uma certa MATURIDADE ??? Ninguém mais aqui, é vaca desavisada, nem vai cair em papo mole de boi, né ??? Ordem do dia, se apaixonar sem medo de ser feliz, mas .... com riscos calculados ....POR ISSO BOA SORTE VACAS APAIXONADAS !!! Tô aqui na torcida bovina, prá que tudo de certo !!!

13 de julho de 2007 15:23  
Blogger AP disse...

Ah, DM... Quem disse que paixão e maturidade andam juntas?rs
Medo, sim, por que não? Medo é garantia de sobrevivência! rs rs rs
De mais a mais, riscos calculados nada mais significam que... medo de errar!

13 de julho de 2007 16:33  
Anonymous Anônimo disse...

Estou apaixonada por um amigo... A gente está saindo. Nem sei se estou namorando ou não. Também não quero saber. Estou feliz. A pele, o cabelo e os olhos dizem isso. As amigas desconfiam. Os homens paqueram... Mas tenho tantos medos... Medo é atávico ao ser humano. Garante sua sobrevivência. Então, vivo essa paixão mas uso o "cinto de segurança do pé atrás". Os dois pés, pronta para a fuga... E a certeza de colo amigo me acalenta. Adorei o post, parece que foi escrito para mim!

13 de julho de 2007 16:38  
Anonymous Beth disse...

O boi bandito volta para assombrar a vaca que se achava bem resolvida, mas no fundo .. ahhhhhhhh ......... eu quero colo também.

beijocas
muuuuuuuuuuu

16 de julho de 2007 20:36  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker