terça-feira, 18 de setembro de 2007

Disputas no curral

Mulheres são seres altamente competitivos.

Eu nunca subestimo minhas concorrentes. Qualquer que seja o nível da disputa, o objeto, o local do combate... Eu respeito. Acho que é sinal de inteligência.

Eu fico ali, de olho, estudando o estilo. A gente aprende um monte observando a concorrência. Coisas boas, que podem ser usadas a nosso favor. Tá, não sou tão boa... Observo também os podres, os pontos fracos, os defeitinhos, os calcanhares-de-aquiles... Pra me gabar das minhas qualidades, para me consolar, pra recuperar minha auto-estima. Pra traçar estratégias de sobrevivência. Pra me manter no salto e na disputa. Ou desistir da luta - acontece...

Antes que a homarada grite: mulher não disputa só por homem, namorado, marido... A gente disputa por emprego, cargos, amigos, quem é a mais gostosa, a mais magra, a mais engraçada ou a mais inteligente. A gente disputa por tudo. Em diferentes níveis de competitividade, do mais light, passando pelo velado ao heavy metal com todas as armas que temos direito. ..

Dura essa vida de mulher competitiva...

Incrível é como a mais boba das vacas reconhece, num olhar, a sua opositora. Nem precisa ser um olhar daqueles demorados. Basta um golpe de vista. Nessas horas, o cérebro bovino é mais rápido que o mais moderno dos computadores.

E engana-se quem pensa que a concorrência está lá fora, longe: Amigas são rivais. Irmãs? Idem. Mãe e filha? Óbvio. Primas? Ô, nem precisa perguntar. Sogras? Claaaro!

Isso me lembrou o post de hoje da Cláudia, no Sobre Sapos, Pererecas e Afins, sobre as Manus...

Ahn? Não, não disputando pela atenção de ninguém nem por nada, não. Foi só um assunto que me ocorreu quando vi minha irmã e a sogra dela conversando outro dia...

Blogged with Flock


21 Comentários:

Anonymous Erika disse...

Menina, e num é que é verdade?

De mãe (que é sempre a pior, qq seja o lado.. rsrs) a tias, primas.. as vezes até a empregada de anos.. rsrs

Beijos

18 de setembro de 2007 17:37  
Blogger Iara Alencar disse...

so sei que procuro um namorado e nao acho.

18 de setembro de 2007 17:52  
Anonymous Lola disse...

eu sei que minha empregada disputa comigo "quem sabe melhor onde as coisas da Lola estão". tenho certeza que ela se realiza escondendo meus pertences.

e olha só o caso super-comum ao qual tive acesso hoje.

um boi-amigo me contou que estava ficando com uma vaca que o desprezou um pouquinho. revoltado e neurótico, encontrou a amiga vaca da vaca no banheiro, e a pegou também.

onde já se viu ficar com o boi alheio? mas enfim... pra que brigar por causa de boi né?

beijim

18 de setembro de 2007 18:29  
Anonymous Kio (akele q numa disputa sai no tapa) disse...

a unica coisa q homens heteros sabem disputar é futebol...e isso é só uma vez por semana!

agora a vida de mulheres, e eu (rsrsrs) é uam competição sem fim...não só por eles...mas tambem por espaço e respeito!

por essas e outras somos mais interessantes e legais!

18 de setembro de 2007 18:30  
Blogger DM disse...

Gente, concordo com tudo, a vida é uma eterna competição, entre vacas então nem se fala... Mas não estamos sós, os bois competem entre si prá caramba, as vezes até de forma infantil ... Vacas de fato são mais cruéis e detalhistas em embates dessa ordem !!!!

18 de setembro de 2007 18:55  
Blogger a calma alma má disse...

A eterna competição... vacas X vacas, bois x bois e vacas X bois!!!
Odeio competir, nem sei como vim parar no malfadado mercado publicitário, palco de enormes egos e disputas. Tenho exercitado muito a observação e aprendido muitos truques.
Será que foi por isso que parei de falar com a minha irmã???
ixi, tô boa hoje não.
beijos

18 de setembro de 2007 19:23  
Blogger DrFox disse...

Oi Ana,

Hehehe, até que demorou muito pra esse assunto voltar a tona.

Da última vez (http://somostodasumasvacas.blogspot.com/2007/07/vacas-andam-em-rebanho.html), houve uma forte negativa por parte das vacas presentes quanto a competição latente entre as vacas e como isso as tornavam desunidas.

Bom, parece que agora as coisas foram colocadas em suas devidas proporções.

bjs provocativos

18 de setembro de 2007 20:08  
Blogger Cristiane Martins disse...

Ihhhh tem tantas disputando o mesmo espaço que não sei se tem tanto pra todo mundo.
êta mundão

18 de setembro de 2007 23:09  
Blogger Ana Paula disse...

Erika, só posso pensar que poder vicia... Isso nos faz disputar por ele... rs

Iara, minha linda... Também estou só, mas não procro, não. Prefiro ser achada, ahahaha!

Lola, empregadas são umas figuras. Mandam as nossas casas...
Nossa, que falta de ética dessa vaca, hein? Com uma amiga dessas, ninguém precisa de inimigos... Isso não é competir... Eu não brigo por causa de homem. E só entro em disputas que eu tenho chance de vencer...

Kio, meu lindo e neurótico... Homens competem de forma errada... Mas nós somos mais interessantes e legais e eles não vivem sem nós! Beijo!!! Vc sai no tapa? eu nunca saí, hahahaha!

DM, homens competem sim... Feito meninos, diga-se de passagem! Beijos!

Calma... Que chato... Ficar sem falar com a irmã é muito ruim pra mim... E mercado publicitário? Menina, como vc foi parar aí?

Queridíssimo e caríssimo e provocativo Dr. Fox... Uma coisa não têm nada a ver com outra... Olha só: vacas podem ser gregárias. Andar em bandos. E ainda assim competir entre si. Ué, uma ação não exclui a outra...

Cris, tenho a mesma impressão...

18 de setembro de 2007 23:28  
Blogger Mila disse...

Isso me fez lembrar de uma cena hilária... eu e uma amiga brigando pra convencer a outra que a frase ficava melhor de um tal jeito... dava tudo na mesma... hahaha... até brigar pra ver quem "saia" do grupo, isso mesmo pra quem saia e não pra quem ficava... demais mesmo...
Somo todas umas vacas mesmo... e isso de ficar ruminando é só disfarce pra poder "te enxergar melhor"... hehehe
Beijos Mila

19 de setembro de 2007 00:46  
Blogger MUTUMUTUM disse...

Ô louco! Então, o universo feminino é ainda mais competitivo do que o masculino???? Sei lá... nós, uzómi, só disputamos por mulér, emprego e, olha lá, numa pelada no campinho. Estamos nos lixando pra corpinho sarado (se bem que uns muques caem bem, mas e daí?), não queremos ser gostosos (até seria bom, mas se a natureza não nos deu a esse luxo...).

Não é fácil mesmo ser moléééérrrr... Disputar com a sogra?! Com primas?! Putz... não parece fácil, mesmo!

Abraços o/

19 de setembro de 2007 01:28  
Blogger André Moinhos disse...

Oi!
Tem algumas competições que são saudáveis, outras desnecessárias.

No quesito competição "bovina" tem algumas "vacas" que não precisam nem competir. Tem o primeiro lugar garantido!

Beijocas

19 de setembro de 2007 07:57  
Anonymous 1ª lady Newton disse...

Muito franca?
Competir é gostoso!
Nada mais delicioso do que ganhar uma disputa difícl! E perder tb faz a gente crescer e ficar mais forte para uma proxima!

Acho tão digno querer algo e ir lá...conquistar na raça! Sem passar por cima de ninguem é claro, com muita ética!

Acho phynno, digno.
COMPETITION RULES! UHU!

19 de setembro de 2007 09:30  
Blogger MUTUMUTUM disse...

Olá, Ana Paula o/

Valeu pelos comments no meu blog tosco :) Curtiu minhas belas e inspiradoras poesias de amor e paixão??? Que veia poética... que estilo... que ardor... realmente, sou um poeta que sabe versar, né mesmo? rssssss

Beijos o/

19 de setembro de 2007 09:36  
Blogger Paola a Estranha disse...

Vou te contar um segredo.
Odeio competição.
Este negócio de disputa não é para mim.
Apesar que adoro irritar algumas pessoas, mas é somente quando estou naqueles dias! kkkk


Vamos ver se hoje consigo comentar...


Beijos amada!

19 de setembro de 2007 10:02  
Blogger Ana Paula disse...

Paola, minha linda... Eu adoro. Sou tão competitiva... Mas espertinha, tb... Só compito qdo acho que posso ganhar... Coisa feia, né?

Mutumtum... Adorei seu blog!
Mas, viu só? Ser mulher dá o mair trabalhão...

Lady, competiton rules! E ética tb!

André! Vacas sempre precisam competir...

Mila, somos mesmo, não é? E adorei a conclusão: "e isso de ficar ruminando é só disfarce pra poder "te enxergar melhor"..."

19 de setembro de 2007 10:12  
Anonymous doedinha disse...

Ai-ai...

Eu não! Comigo isso não acontece, nuuuunca! Sou uma criatura centrada, analisada, harmônica, tranqüila e zen... Sei das minhas TANTAS qualidades em me portar, em me vestir, em me relacionar com as pessoas...

Hêim?! Mas peraí vocês não podem incluir na categoria “pessoas” aquelas sirigaitas que ficam de olhar comprido para os nossos sapos-cururus, ou as ridículas que usam saias curtíssimas e quase tropeçam na bainha, né?! Nem aquelas que saem de casa em pleno sábado a noite sem fazer a sobrancelha?! (olhe o detalhe que a gente nota...) Ahhh convenhamos meninas, essas aí não são “pessoas”... Ahahahahahaha...

É lasca, mesmo, AP, somos muito competitivas. Acho que isso é um pré-conceito cultural, né não?! Vá saber... O fato é que, ainda bem, que tenho uma amiga de verdade, acima do bem e do mal, que está sempre me defendendo, e nunca, nunnnnquinha precisamos competir. E quando o perrengue se faz necessário, pronto! Lá está: Maria Bonita, minha peixêrinha de estimação. Um LUXO! (by Lady Newton)

19 de setembro de 2007 13:00  
Anonymous Beth disse...

Eu não sou de competir, não estou nem ai para competições de meninas. Quem entra numa de competir comigo por qualquer coisa normalmente quebra a cara, pois enquanto estão pensando em competição, gastando energia, criando subterfúgios qualquer para me vender... lá estou euzinha pensando numa praia em qualquer lugar do nordeste e comendo um peixinho e tomando um suquinho de mangaba.

Mas já que o assunto é competition .. entonces ... antes de agir, eu penso em Sun Tzun.

hahahahahahahaha

beijinhos

19 de setembro de 2007 13:44  
Blogger Claudia disse...

concordo total c o post, mas, to c a beth, detesto competir a toa. eu sou mais eu!!! modestamente falando... rsrsrsrs
bjkssss

19 de setembro de 2007 17:58  
Anonymous Angelina disse...

ahhh, isso é a mais pura verdade... competir com a mãe é foda né? hehehe mas acontece também fazer o que! E para os machos convencidos, é bom frisar que a maioria dessas pequenas competições não tem nada a ver com homens. heheheh são tantas outras coisinhas!

19 de setembro de 2007 19:22  
Anonymous Adão Braga disse...

Só para lembrar:

"O Importante é competir
Mas, te mato de porrada
se tu não ganhar..."

19 de setembro de 2007 21:08  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker