quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Para os homens-limão

Se tem um tipinho de homem que me irrita profundamente é o cara mal-amado. Nunca ouviram falar? É, nem eu... Mal-amado é uma classificação que acabei de inventar.

Mas aposto que já escutaram horrores sobre mulheres mal-amadas. As popular e vulgarmente chamadas mal-comidas. Detesto esta expressão. Enfim... precisei usá-la para me fazer entender. Ah, agora sabem do que estou falando, né? São aquelas mulheres que reclamam de tudo, estão sempre num humor muito cáustico ou completamente sem humor. TPM eterna, sabe? Homens - e às vezes mulheres também, quando reunidos em bando, adoram ficar levantando hipóteses e soluções para tanto mau-humor.

Mas, ó, vocês podem até não acreditar em mim, existem homens assim também. Juro! Aos montes! Só que eu não posso chamá-los de mal-comidos, porque vou estar pondo em dúvida a masculinidade dos caras, o que não vem ao caso. Se são homens ou não, problema deles. Na falta de melhor classificação, então, resolvi chamá-los de mal-amados. Eles estão por aí. Pode ser seu chefe. Aquele vizinho que nunca te dá bom dia. Seu irmão. Seu (não desejo isso para ninguém!) namorado ou marido. Aquele cara que comenta no seu blog. O melhor amigo. Ou alguém que vocês nem conhecem e, em nome desse azedume eterno que só Deus sabe o motivo, tentam lhe agredir sem que vocês tenham feito por merecer a porrada. Isso é feio. É chato. E extremamente deselegante. E elegância e educação, meus queridos, não é coisa de boiola.

Não vou propor nenhuma solução para o problema, pois não sei a fonte, a causa. Quem sou eu para fazer isso? Ninguém. Uma vaca que escreve num blog. Depois... Cada caso é um caso. Pode ser azedume causado por rejeição, vai saber. Pode ser falta de sexo, sim, por que não? Pouco dinheiro. Problemas amorosos ou no trabalho. Ou pode ser apenas a índole do sujeito.

Apesar deles... Continuo fã da raça. Precisa de muito mais do que um surto de mau humor para me fazer desistir dos homens. O que me resta fazer? Lamentar que eu não tenha seguido os conselhos de papai. Ao invés de ser jornalista, podia ser psiquiatra. Aí, nessas horas, era só entregar um cartãozinho meu pro cara, oferecendo meus préstimos profissionais.

Em tempo: A Luma, levantou uma ótima bola no seu comentário. A irritação masculina pode ser doença, uma síndrome! Ela deu o link e quem quiser saber mais, lê aqui. Obrigada, Luma!

Blogged with Flock


35 Comentários:

Blogger Fábio disse...

"Continuo fã da raça". Admirável. Primeiro porque não basta ser apenas brasileiro pra nao desistir nunca, neste caso. E segundo, porque enfim encontrei uma mulher que entende que, antes de homens ou mulheres, somos humanos - e imperfeitos.
Excelente post.
Abraços

18 de outubro de 2007 07:52  
Anonymous Lola disse...

Excelente!! hahahaha

Ontem, na comemoração que eu fui, ouvi uma máxima filosófica:

"Quem anda com gente inteligente fica inteligente. Quem anda com louco fica louco".

Estavam se referindo a psicólogos e psiquiatras. Então acho que foi bom você virar jornalista...rs

Beijo

18 de outubro de 2007 08:26  
Blogger luma disse...

Homem desculpa o mau humor feminino com a TPM e para o mau humor deles, arrumam justificativa - síndrome de irritação masculina - pode ser tratada como doença. Não estou brincando, é sério! Veja
http://www.saudeemmovimento.com.br/reportagem/noticia_exibe.asp?cod_noticia=463
Beijus,
Luma

18 de outubro de 2007 08:50  
Blogger Gastón disse...

Olha Aninha, sabe o que eu acho? Que, homens ou mulheres, o povo tá ficando cada dia menos tolerante com as coisas. Tá todo mundo estressado, inconformado, estressado um com outro. Relaxa meu povo.

18 de outubro de 2007 09:39  
Blogger Ana Paula disse...

Fábio: eu me esforço para entender. mas às vezes fica difícil...

Lola! Espero que vc esteja certa! rs

Luma: são fogo esses moços, né? tinham logo que se justificar! Obrigada pela dica!

Beijos para os três!

18 de outubro de 2007 09:39  
Blogger Ana Paula disse...

Gastón, ai, vc está certo. Um povo azedinho e mau humorado. Saco! Um viva para os homens e mulheres com bom humor!

18 de outubro de 2007 09:41  
Blogger Antonio Ximenes disse...

AP.

Muito Interessante.

A natureza humana é muito interessante.

Aquela frase "Não te conheço e já não gosto de ti"... cabe aqui.

Mais interessante ainda... é a força de um simples comentário.

Um simples comentário pode fazer nascer um LIVRO... ou no teu caso... um POST... ou POSTAGEM.

Não me considero um Homem-Limão... mesmo porque... não irei ser tão limitado intelectualmente ao ponto de achar que um ser humano pode ser rotulado.

Rótulos não existem.

Seres Humanos são complexos e não podem ser divididos em categorias... pelo simples fato de terem feito um comentário bom ou ruim.

Acho até engraçado.

A força de simples dígitos em uma tela pode fazer nascer uma inimizade? Seria maduro ?

Não vou aprofundar o mérito da questão.

De qualquer forma.

Assumo minha culpa.

Peço desculpas.

18 de outubro de 2007 09:43  
Blogger Ana Paula disse...

Antonio, não, não desgosto de você. Não por um amontoado de palavras escritas no calor da brincadeira. Apenas me surpreendi com a acidez da sua resposta ao meu comentário que, visto daqui, não lhe feria de jeito algum. Pelo contrário...

Estudo sociológico? Personagem? Ah, sou boa em entrelinhas...

E... Faço minhas as suas palavras: 'Seres Humanos são complexos e não podem ser divididos em categorias... pelo simples fato de terem feito um comentário bom ou ruim.'

Ninguém falou em inimizade. Fica o dito pelo não dito... Você continua bem-vindo nesse pasto.

Um abraço para vc também.

18 de outubro de 2007 09:55  
Blogger Ricardo Rayol disse...

Combinamos assim, eu passo seu cartão para os caras mal-amados e você divulga meus préstimos para as mal-comidas ....

Se falta de transar fosse a razão de todas as coisas eu ia investir em um livro exaltando os benefícios da prática do esporte onanístico traz para a mente humana. Algo do tipo "Desmistificando a masturbação humana enquanto instrumento de felicidade holística".

Graças a deus não sou azedo, só debochado ahahahahaha.

18 de outubro de 2007 10:11  
Anonymous Railander Uóston disse...

Terrivelmente agradável aos olhos, mente, corpo e futura Sra. Railander Uóston (essa foi ótema):

Todos temos dias ruins e dias ótimos.

Se estou feliz, deixo transparecer, caso contrário, não abro a boca, para não ofender alguém, por conta de um problema que é meu. Mas as vezes escapa uma mal-criação.

O importante é sempre ter a humildade de reconhecer o deslize e não deixar isso acontecer nunca mais.

O importante é ser feliz e encher a cara de bebida ou guaraná!
E viva o dia de sol!!!
(Bêbum é dose... bebe pra comemorar qualquer coisa)

Beijos

18 de outubro de 2007 10:41  
Blogger Ana Paula disse...

Rayol, combinado: façamos uma troca!!!
Debochado? Melhor assim.

Querido R.U.: Já te avisei. Acabo acreditando e comprando o vestido de noiva. Aí quero ver como vc vai sair dessa, hahaha!

Mal-criação tem vida própria e escapa. Isso eu entendo. E sei ser bem mal-criada também. Ô!

Também é importante esquecermos essas coisas pequenas que acontecem e nos ater ao que importa! dias de sol, por exemplo.

PS: Aqui está nublado... E eu detesto guaraná. Pode ser cerveja, mesmo?

Beijos!

18 de outubro de 2007 10:50  
Anonymous Railander Uóston disse...

Como sairei dessa? De fraque, com minha princesinha e JP vestidos a carater e com vc + seu esvoaçante vestido de noiva.

Aqui também está nublado, mas eu não estava me referindo ao dia, meteorologicamente falando. Pessoas como vc, transformam o dia de qualquer homem.

Hahahahahahahahaha... menos Railander, menos...

Desce uma cervejinha gelada pra moça aqui!!!!

Bjos.

18 de outubro de 2007 11:08  
Blogger Ana Paula disse...

Railander, pelo menos iríamos ter o casal de dama e pagem mais lindo que já se viu.

Menos, R.U., ó que a moça pode ficar convencida!

Beijo.

18 de outubro de 2007 11:23  
Blogger a calma alma má disse...

ô Ana, não deixo barato não.. Um azedo desses sempre leva um comentário meu (ou pelo menos um pensamento meu) pra casa do tipo "tua mulher não te deu na noite passada né?"
Trabalhei muito tempo atendendo público e já recebi muita agressividade gratuita.. tem outra explicação?
Sei não..
Beijos

18 de outubro de 2007 11:31  
Anonymous doedinha disse...

Vixi Maria!

Eu tava pensando uma coisa tão difícil de explicar(hihihihih...rindo baixinho) Vou tentar com uma pergunta. Homem-mal- amado precisa de psiquiatra ou de moças-que-fornecem-favores-íntimos-em-troca-de-moeda-corrente?!

Te ajeita, sujeita!!!

Só pensa besteira, né?! É o que dá refazer as luzes, cada puxadinha daquelas pra descolorir o cabelo, lá se vão uma pancada de neurõnios... ôÔÔ dó!

Cheirinho

18 de outubro de 2007 12:07  
Blogger Iara Alencar disse...

oi ana paula to sumida eu sei..to em diivida com voces..
mas é que to trabalhando sem acesso a internete por esse mes todinho, so acesso no almoço, e aí pra completar passo meia hora no busão na hora do almoço.

então sumi de alguns blogs, por força do trabalho.
mas..vamos ao post.
detesto homem mal humorado!!!

todo mundo tem seus defeitos, mas nao precisa levar todos eles ao pé da letra.

18 de outubro de 2007 13:02  
Blogger Iara Alencar disse...

mas veja bem, pelo menos as mulherees depois que fazem sexo elas ficam algunns dias mais alegres, ja os mal - amados nme assim conseguem mudar.

18 de outubro de 2007 13:04  
Blogger MakiN disse...

Tem uns karas q acham q é legal dar coices... eu nao gosto de pessoas que chegam sendo as legalzonas... que vc nem conhece e lhe trata como melhor amigo... nao confio em gente assim... mas nao as trato mal... apenas trato como uma pessoa normal... nao vou comprimentar todo animado mas nao vou desfazer... com o tempo mudo o modo de tratar a pessoa... mas ser grosso desde o inicio é burrice...

18 de outubro de 2007 14:53  
Blogger transgressor disse...

Penso que é pura genética.Ascendentes torpes,vis,crueis.Padre-Padrone!Diretos de religiões e culturas que menosprezam as mulheres.Com o passar dos anos vai caindo a ficha e eis que surge o "Homo-sexualis mal resolvidus".No clube de futebol é um texto,na cama é outro papo.Quem vem de um lado feliz é o que apresenta

18 de outubro de 2007 15:40  
Blogger Fabiana disse...

ana, se chamam a mulher de "mal comida", pq nao chamar os homens de "come mal"?
Acho justo, rs

bjk

18 de outubro de 2007 16:01  
Blogger transgressor disse...

Lola:Quem anda com gente inteligente melhora.Quem anda com gente louca piora.

18 de outubro de 2007 16:28  
Blogger transgressor disse...

Fabiana,tem uma frase num conto português,que agora me foge o nome,mas diz:"Ao mal fodedor,até os culhões atrapalham"...Eu penso que ninguem é bom ou ruim de cama.Penso que as pessoas deveriam ser honestas na cama,falarem e contarem e se abrirem,não só os braços e concavidades e convexidades explícitas,mas expecialmente a alma,aí não tem sexo ruim,cada prazer passa a ser uma conquista.

18 de outubro de 2007 16:35  
Blogger Dahi Penno disse...

Menina, eu sofri com um namorado mal humorado!
Pq ele não era mal amado não....
até tentei.... Percebi que aquilo não era pra mim, dá lincença que eu quero um companheiro e não um carrasco.
rs

fazia um tempão que não vinha por aqui, mas como sempre tá tudo perfeito.
Bjks!
=]

18 de outubro de 2007 16:45  
Anonymous Erika disse...

síndrome da falta da princesa-encantada... rsrss

ou

síndrome da falta de externar a fantasia pela princesa-encantada

beijos

18 de outubro de 2007 16:46  
Blogger transgressor disse...

Ana,se voce tivesse seguido os conselhos de seu pai e fosse hoje uma psi,talvez estivesse de alguma forma tentando fazer seus pacientes contarem"que roupa eles estão usando"...

P.S.Estou adorando te ler e ver as pessoas se abrindo por aqui.

18 de outubro de 2007 16:56  
Blogger Mélica disse...

Eu acredito que deva existir um tipo de TPM pros homens tb, ou então esse é distimia mesmo!!
Ótimo tema... muito bom o post!;)
Um beijo e tenham um ótimo dia!

18 de outubro de 2007 17:41  
Blogger Ana Paula disse...

Calma alma... Menina, também não aguento, não. Porque eu sempre trato as pessoas bem, com educação e respeito. Mas se sou maltratada, ainda mais sem motivos... devolvo na mesma moeda.

Dô... Imagina... Parece que as luzes lhe iluminaram... Era exatamente isso que se passava na minha cabeça!

Iara, meu amor. Que dívida, que nada... Vc vem aqui quando der e quiser. Sem cobranças!!!
Olha, mau humor ocasional é mole de aguentar. Mas não há quem aguente gente com cara de quem chupou limão o tempo todo!
Verdade, viu? Verdade, mesmo!

Makin... Eu nunca quero ser amiga de quem ainda não é meu amigo. Mas sou amigável... É diferente.
Concordo com vc.

Transgressor, bem-vindo. Legal, não é? De vez em quando as pessoas fazem dos comentários um grande divã. Adoro! Outras vezes, vira um msn... Muito bom.
Genética? Pode ser, pode ser... Uma coisa ancestral.
Se eu tivesse seguido os conselhos do meu pai, talvez sofresse menos quando sou maltratada sem necessidade por gente que sequer me conhece e ainda estaria lucrando com isso!!!

Fabi, alguns devem merecer, sim! rs

Dahi! Também não tenho aparecido por lá... Obrigada!
Namorado assim? Ninguém merece!

Beijos para todos!!!

18 de outubro de 2007 18:00  
Anonymous Beth disse...

Ri muito de alguns comentários aqui.... o da Fabi foi ó-ti-mo. Idem Fabi...

Cara...sei lá...deve ser alguma de andropausa chegando ou andropausa precoce. Sei lá...só sei que não aturo homem assim por muito tempo, aliás, não aturo limões azedos femininos e masculinos ao meu redor.

Xô...

18 de outubro de 2007 18:07  
Blogger DM disse...

Bois mal-humorados ? Assim vendo a coisa de longe, e as vezes de muito perto, duas coisas que deixam os caras assim: Falta de sexo e falta de grana ... Na maioria dos casos é esse o diagnóstico para o mau-humor constante deles ....
By the way, adorei o troco da Fabi: Se nós de mau-humor somos taxadas de mal-comidas , é justíssimo que eles também sejam taxados de COMEM-MAL !!!
Abaixo o mau-humor gente !!!!

Beijos

18 de outubro de 2007 18:08  
Blogger Ana Paula disse...

Mélica... TPM masculina! Ia ser a nossa vingança poder perguntar: 'Amor, vc tá tão nervoso... É TPM, querido???'. Delícia! rs

Beth, tb não aturo, não. Tanta gente maneira e bem humorada por aí, homens e mulheres!
Ah, os comentários aqui são sempre uma delícia!

DM, amiga. Vc daqui, é a que mais me conhece. Sabe que tenho cara de boazinha, mas aturo as coisas só até determinado ponto...
Pois bem, eles nos chamam de mal-comidas, geladas, nem te conto...

Beijos, minha lindas!

18 de outubro de 2007 18:16  
Blogger Pa[†φ] BEiJo disse...

hahaha

eu ja fiquei com um cara mal-amado, na verdade eu não chamo de mal-amado, mas sim de chorão, não gosto de homem que fica se lamentando pq não ganhou um dicinho quando tinha 5 anos de idade e isso o traumatizou... eu digo, não tem aquela classica fraze que diz:
se não aguenta bb leite?

pois é, não aguentei... tudo bem, uma vez ou outra vc ficar meio down ate vai, mas o tempo todo... afffffffffffs, vira homem rapaz...

bjus lindaaaaaaaa

18 de outubro de 2007 18:34  
Blogger André Moinhos disse...

Eita! Acho que isso foi um chute no saco. Tomara que não tenha sido pra mim! rs

Acho que não sou azedo... será que "como-mal" como disse a Fabi?! Duvida cruel! Vou pra análise! rs

Beijocas

19 de outubro de 2007 08:19  
Blogger Ana Paula disse...

Paty! Homem choraão é um saco. Não aguento. Manteiga derretida eu já sou e me basto! rs

André, nunca te vi de mau humor!
Ahahahaha! Como é que eu vou saber?

Beijos para os dois!

19 de outubro de 2007 08:31  
Blogger transgressor disse...

come bem,come mal,dá direito dá torto....ninguem faz nada certo se o incerto é o esperado.A cadavez uma aventura.O importante é estar apaixonado,mesmo que seja somente pq a parceira tem um puta bom gosto de sair comigo!Só isso já me faz ter respeito!bjs...Ana ....legal o teu espaço!

19 de outubro de 2007 17:36  
Blogger Wolverine Logan disse...

Marrento até posso ser mas mau humorado nunca.
Beijos

19 de outubro de 2007 21:15  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker