segunda-feira, 12 de novembro de 2007

QUANDO OS BOIS AMARELAM...

Engraçada essa expressão popular “amarelar”, que quer significar e dizer com todas as letras quando alguma coisa dá ou sai errado, ou ainda, quando sai fora do previsto ou literalmente quando se falha na hora “H” em algum momento crucial da vida!

Pode-se assim dizer que um determinado boi ou uma vaca “amarelam” quando se contam com eles ou com determinada atitude destes para determinadas coisas e estes de forma absolutamente imprevisível “amarelam”, não correspondendo. assim, às nossas efetivas expectativas!

Pois é, resolvi discorrer sobre o inusitado verbo “AMARELAR”, incorporado ao idioma tupiniquim e de domínio público, comportando infinitos significados e situações da vida prática bovina, por conta de mais uma secreta confidência de uma vaca-conhecida.

A vaca em questão, havia me confidenciado em alto e bom tom, que seu boi litisconsorte (leia-se namorado há alguns poucos anos), havia “amarelado” na hora “H”. Ou seja: traduzindo para o português laico, o boi na intimidade do curral, havia literalmente “broxado”.(Com x ou ch ?)

Mais uns necessários parênteses: - Desculpem bovinos, não consegui achar no momento um sinônimo mais polido para o intrigante e por vezes inesperado “evento”. Impotência masculina momentânea, ficaria mais adequado e apropriado? -Sei não, não gosto dessa palavra “Impotência”, que invariavelmente me remete a uma verdadeira acepção de fraqueza, e até quem sabe de uma patologia mais grave. Afinal, uma singela e eventual broxada de um boi, sabe-se lá por que razões, não me parece algo assim tão “grave” a ponto de merecer um adjetivo tão emblemático e conflitante, como impotente!

Mas voltando aos desastrosos fatos relatados pela vaca: Por conta do citado evento, a vaca ficou extremamente surtada, a tal ponto de diante seu impiedoso relato, me dar uma certa, dó e comiseração pelo tal do boi , já que o momento, além de delicado para o mesmo, por certo poderia vir a macular sua masculinidade!

Pois é, e a louca da tal vaca, queria ainda encontrar justificativas “cerebrais” e de cunho psicológico para o fato, trazendo para si, infinitas culpas, questionamentos e elocubrações do tipo: Será que a culpa foi minha? Será que o boi não me acha mais atraente? Meu Deus, será que ele tem outra vaca e agora está a “falhar” comigo? Isso nunca tinha acontecido antes com a gente ...E agora, como vai ficar nosso relacionamento?

Diante de tanta neura bovina feminina, não pude deixar de refletir, intimamente: - Nossa que despreparo, que imaturidade, uma simples broxada do boi e vaca já fica surtada, desse jeito?

Mas infelizmente, existem vacas desse naipe pastando a vontade por aí mesmo... Azar do boi, que por certo não avaliou melhor a vaca!

Será que por nenhum momento possa sequer ter passado pela cabeça da tal vaca, que o boi pudesse simplesmente não estar bem, na data, hora e local do evento? Ou com algum problema no trabalho ou na família, ou mesmo acometido de algum distúrbio momentâneo de ordem orgânica?

Por essas e por outras, e mesmo embuída da mais sincera compreensão e solidariedade para com os bois, quando da ocorrência desse tipo de situação, eu diria “embaraçosa”, permaneço ainda na convicção de que a toda a sorte de problemas pessoais, por medida de cautela e precaução, por certo providenciais, devem sempre permanecer à léguas de distância do leito do curral, e isso vale tanto para bois, como para vacas!

Minimizam-se assim os riscos de uma eventual AMARELADA, desconcertante, por certo para todos!

Mas já que a “mamãe natureza”, fatalmente assim determinou que bois não podem sequer disfarçar, uma retumbante broxada, melhor mesmo transformar esse limão siciliano (daqueles bem amarelos) , em uma adorável e mais digesta limonada, (limonadas têm um tom mais esverdeado, a cor associada à esperança - quem sabe na próxima! rs rs rs ...) Afinal, bois e vacas sem distinção não são infalíveis, e tudo mundo tem mais do que o direito de “amarelar” um dia na vida!

Graças aos céus, nunca vivenciei com qualquer boi, pessoalmente esse tipo de episódio, mas ao contrário da tal vaca- surtada, acho agiria com mais naturalidade e, como manda a boa-educação buscaria mudar o “tom” da coisa toda ! Quem sabe até, talvez viesse a comentar sobre o tempo, a umidade relativa do ar, os desdobramentos do caos aéreo nacional (sem trocadilhos por favor) , e convidaria o boi para beber (mesmo sabendo de antemão que o álcool, também traz alguns resultados nefastos e broxantes para determinados bois).

Agora convenhamos, uma boa CHANDON PASSION, (aquela em tons de salmão) em uma hora dessas, por certo deixaria o ambiente mais cor-de-rosa, redundando a “AMARELADA BOVINA MASCULINA” em algo mais salutar, agradável e talvez até, deixando o boi mais relaxado e bem-humorado, diante de sua falha fálica momentânea, para então voltar a “amadurecer” novamente de forma despretensiosa e natural...

O que não dá mesmo, em uma hora dessas, é surtar que nem a tal da vaca, e sequer tentar discutir a relação bovina, logo após o evento! Nesse ponto, me vejo mais do que obrigada a ser solidária e demonstrar compaixão para com nosso amáveis colegas de rebanho:
NINGUÉM MERECE UMA VACA DESSAS NUMA HORA DESSAS !

41 Comentários:

Blogger André Moinhos disse...

Querida vaca DM,

É. Assunto complicado.
Não posso opinar muito já que nunca "amarelei". Não sei se isso é bom ou ruim e não sei como reagiria se acontecesse comigo.
Uma coisa é verdade: ninguém merece uma vacas dessas nessas horas. Acho que o homem se sente o pior dos homens. Deve ser complicado isso no psicológico masculino. Deveria ter dado apoio.

Comigo é ao contrário. Se eu beber.. putz! Perco o juízo! rs

Beijocas

12 de novembro de 2007 13:30  
Blogger ? disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

12 de novembro de 2007 13:52  
Anonymous Anônimo disse...

Acho impressionantemente incrivel vc nunca ter visto um homem broxar na sua vida. Como diz que eh tao normal, mas nao admite ter acontecido? Maridao bebado, cansado, estressado? Namorado que tem outra? Na minha opiniao, vc surtaria tanto quanto a vaca da sua historinha, pois nao admiter que possa ter acontecido com vc, me parece que se protege e quer manter uma aura de vaca gostosona.
Perdoe a minha franqueza. Eh viagem de um pseudo-psicologo e admirador das vacas desse curral.
Um abraco.

12 de novembro de 2007 13:55  
Blogger MH disse...

Adorei o texto. Até porque já brochei com "X" e com "Ch"...rsrsrsrsrsrs.

12 de novembro de 2007 13:57  
Blogger Eu e Ela disse...

Nunca aconteceu comigo.
Dependendo de como tudo começou acho que ficaria muito mervosa, muito mesmoooooooo, mas ia tentar ser solidaria, afinal os machos não são como nós, não podem fingir em hipotese alguma.
Mas uma Chandon.....
Tinha que ter bebido antes.
Ser homem não deve ser nada facil.

12 de novembro de 2007 15:21  
Blogger Transgressor disse...

Ùps....a frase:´"Isso nunca tinha acontecido antes" é minhaaaaaa....é plágio....rs
Broxar faz parte do jogo,PA...em uma relação constante a prodigalidade do "atleta" pode estar em um momento zen:Zen vontade,força,desejo,tezão.Pode estar com a cabeça(in literis)em outro "lugar".Há contas a pagar,responsabilidades,enfim,não é só olhar,bulir,beijar,gemer,gozar...ou fingir gozar.Touro só pode fingir que tá com distenção.No máximo!bjs...

12 de novembro de 2007 16:03  
Blogger Ana Paula disse...

Amiga, vou ter que discordar em dois pontos:

Primeiro, acho que amarelar é mais um ato de covardia... Não é 'falhar' na hora... amarela quem tem uma escolha a fazer. Quem falha, falha por alguma razão, não escolheu...

Segundo: Vc não tem idéia, já que nos conta que nunca passou por isso... É horrível quando um cara broxa com você. Eu me senti meio que culpada todas as vezes... (Estou gorda? Não sou interessante? Não sou sexy?) E olha que, decididamente, não sou o que vc chama de vaca surtada. O normal é que a mulher se questione, sim. E muito! Vou adiante: Essa sua amiga não deve ter falado nada diretamente com o cara, portanto, ele nada sofreu com as dúvidas dela. E ela ficou se consumindo até te procurar, coitada...

Depois, essas coisas acontecem. E muito mais frequentemente do que se admite por aí... O bom é quando os dois conversam, dão um tempo e depois tentam novamente.

Chandon Passion? Bebida de mulher! Ahahahaha! Nessas horas, o melhor é tomar uma tequila. E arriba! rs

12 de novembro de 2007 16:19  
Blogger Gabriel (Sir DoRêgo) disse...

Com uma vaca egóica como essas até eu broxaria...

12 de novembro de 2007 16:57  
Blogger DM disse...

FEEDBACK DE VACA:

Não costumo responder a bois que não se identificam e aqui comparecem, mas para esclarecimentos da boiada cativa, de fato nunca presenciei uma "broxada" bovina... Vai ver sou no mínimo sortuda? Rrsssss

André: Que macho hem ??? Ui ui, de coração espero que nunca "amareles" com uma vaca na hora "H", mas se aconteçer, que mal há nisso, te sentiras menos homem por isso ? Certamente que não! Quanto a perder o juízo por beber, perder o "juizo" com moderação é ótimo! Só não dá prá dirigir !!!

Mh - (Pseudônimo dificil de adivinhar o sexo) preciso te visitar - Brochar com X ou ch me pareçe irrelevante, o saco mesmo é broxar .... Se for boi, a situação é indisfarçável, se mulher até que dá prá enrolar um boi numa hora dessas ....

Eu e ela: Tô com você, se um dia isso vier a me acontecer, serei mais do que solidária ... Chandon em qualquer de suas versões é tudo de bom e sempre borbulhante, antes, depois e durante por que não ... Acho que pode até suavizar qualquer broxada !

Vaquérrima AP: O "amarelar" no texto é mais do que metafórico, e serviu para dar um tom bem humorado e porque não dizer colorido, Ai Dra.jornalista objetiva ! Tenta ver pelo lado conotativo da coisa ....

Questionar a broxura do boi por qualquer vaca, mais do que normal, só não da prá fazer isso na hora, né, como a vaca contou, por demais vexatório pro boi !!!

Quando a CHANDON PASSION ... Bebida de Mulher ???? Tu bem conheçes meu lado etílico, querida, não catalogo bebidas por sexo, só não suporto as muito doces ... De doce, basta a Vida!!! Rsssss! Agora caipirinha, querida só de ABSOLUT !!!

Se alguém se ofender por algum comentário,So sorry, hoje acordei, mais do que FOX !!!!

Beijos em todos !!!

12 de novembro de 2007 17:00  
Blogger Ana Paula disse...

You say potato, I say potato...

Me desculpe, Dra Adevogada... rs
Mas gosto de dar às palavras o sentido que elas têm, hahahaha! Vício de profissão: escrever de forma clara, objetiva, concisa e correta. Chata? Sou, mas quem não é? rs

Acho que se ela perguntou na hora estava certa... Se le não apresentou as devidas desculpas, alguém tinha que esclarecer o que houve. NaA HORA, esse tipo de coisa não se deixa pra depois. Culpa da vaca ou não, o homem é que broxa e que TEM que explicar o que houve! rs

Me expressei mal> Bebida de mulherzinha! Nessas horas homem tem que beber algo mais forte, não rosinha, hahahaha! e homem geralmente não gosta muito de espumantes. Acha coisa de mulherzinha, mesmo.

Fox, vc? Não se ofenda, falta muito! rs

Beijos querida.

12 de novembro de 2007 17:21  
Blogger Ana Paula disse...

PS: Claro que não se parece com o Fox num bom sentido. Até zangada vc não desce do seu salto 12, amiga! Beijos!!!

12 de novembro de 2007 17:29  
Blogger DM disse...

Pois é querida, divergências pelo uso da língua por conta da profissão mesmo !!! Advogados tem de maquiar as coisas !!!! Tipo, tranformarem morcegos em beija-flor, e a gente consegue! Provar que o preto é branco, se visto sobre um ângulo mais obscuro !!!

By the way, amo espumantes... E boi que está a meu lado precisa gostar também ... TEQUILA DEPOIS DA BROXURA !!! AÍ O CARA DESMAIA, NO SECOND TIME !!!!

You say potato I said: French fries !!! Estilo bovino diferente, mas fundo no fundo, tudo muito parecido !!!

Beijos, amei seus comentários ...
Saudades do FOX !!!!

12 de novembro de 2007 18:21  
Blogger DrFox disse...

Oi Vaquinhas,

Saudades do curral e de vocês. Muito trabalho, por isso o sumiço.

Só agora no final da lista vi meu nome citado, mesmo assim segue a resposta que eu daria citado ou não.

O conceito de amarelar como disse AP é outro do que foi dado no texto.

Eu já perdi as contas de quantas vezes broxei (com X rsrs) e quer saber: NÃO TÔ NEM AI! FODA-SE!!

Homem de verdade broxa mesmo!

DM querida, infelizmente estou pondo a prova sua declaração. Não acredito (mas com bom humor).

Como disse o transgressor, está zen-força, zen-tesão, zen-vontade. Igual as vacas quando relatam dores de cabeça, esmalte fresco, ou tetos para pintar.

É vacas, somos homens, mas não somos super-heróis. Tem dia que a gente não quer o rala-e-rola.

Minha opinião o fator mais broxante que existe é a sensação de obrigação.

Sabe aquela coisa de namoro, rotina, problemas, dia-a-dia.

Você ali na boa, pensando no destino do mundo, ai vem a patroa e de forma sutil começa a "cobrar sexo".

Como nessas horas a sutileza das vacas é impar, essa pequena "lembradinha" já inicia um processo mental que literalmente torra a paciência masculina.

Homem não gosta de ser cobrado quanto a sexo.

Só que a maioria reage de forma negativa.

Eu não, sempre que vou a um motel (leia-se obrigação de sexo), tenho um baralho, um jogo ou alguma forma de distração.

Se minha parceira achar ruim a broxada, azar o dela que não sabe lidar.

Se levar na boa, é bem capaz que o tesão se manifeste bem na hora que você sai com zap e 7 copas, ou quem sabe a envia-la para a prisão. hehehe

Bom fechando o assunto, vacas, se o seu boi broxar, aprenda a levar na flauta (pode ser literalmente).

Mantenha seu bom humor, alto astral e ria da situação. Pode ter certeza que ele não broxou por você não ser tesuda senão sequer tentaria.

Bjs e saudades

12 de novembro de 2007 18:35  
Blogger Ana Paula disse...

Querida!!! Com certeya ainda n[ao foi apresentada Ças qualidades da tequila! Nem te conto! rs

Beijos!

12 de novembro de 2007 18:53  
Blogger Ana Paula disse...

T{o com vc, Fox! Sexo por obrigaë[ao çe um saco e broxante!
Beijos!

12 de novembro de 2007 18:55  
Anonymous Adao Braga disse...

Qual o conceito envolvido?

- Num dia qualquer o cabra chega em casa e apesar de ter promessas de fogo, não há ignição?

ISSO É UMA COISA!

- Vários dias o cabra chega em casa e apesar de ter feito promessas diversas: "hoje vai!" "É hoje!", "Agora vai!"... E nada acontece!

ISSO É OUTRA COISA.

Se é um encontro casual, e o cabra "nega fogo", "não dá nos couros", fica feio pra ele, e pode mesmo dá um nó cabecinha da vaca!

Quanto a mim, já houve dia, que ela, me procurou e eu disse:

- Hoje não!

Mas, noutra ocasião, ela partiu pro ataque! E não teve jeito.

Me expus! Mas, a frase do caminhão nem sempre tá certo:

"Se a galinha for boa o pinto não falha"

Vai entender!?

12 de novembro de 2007 20:02  
Blogger Mulher é tudo bandida disse...

Dona Bandida Vaca DM

Ah..que homem nunca "amarelou-no-sentido-sexual-vuco-vuquês-do-verbo? Das duas uma: Ou tá mentindo, ou compareceu pouco ao curral, daí justifica-se.
Tantos motivos.
Ja amarelei em pleno curral por stress.. problemas demais em uma cabeça, a outra se irrita e vai dormir mais cedo. Daí, no meu caso, a bandida da vaca era perseverante. Conversamos, cafuné pra lá, cheirinho pra cá, beijinhos, mãos bobas e uooopa, ligaram o reator e o boi virou touro bandido! hausahusa

Cheiros!

12 de novembro de 2007 21:23  
Blogger a calma alma má disse...

DM: olha só, o povo não acredita que nunca tenha acontecido com você??? eu acredito. Felizmente nunca aconteceu comigo também.
Agora, no caso de acontecer um dia, acho que seria compreensiva com o moçoilo em questão. Mas por trás de uma aparente calma, acho que daria uma surtadinha básica internamente!!!
P.S: Aqui por onde eu moro, tem limão amarelo. A limonada fica em tons de amarelo puxando pra laranja. Acabou-se a esperança dos broxados, hehehe.
Beijos

12 de novembro de 2007 21:49  
Blogger Eu e Ela disse...

Complementando o comentário do Adão,
Existe aquela relação em que o cara avisa que não ta legal, tem intimidade e sem cobrança, isso não é broxar, é ser homem.
Broxar é esquentar todos os motores e na hora H um banho de agua fria.
E mulher também percebe quando o cara não ta concentrado, investir em virar o jogo é um risco, ai eu prefiro a chandon mesmo.

DM,
Espumantes não costumam falhar não é?

Bjs

12 de novembro de 2007 22:17  
Anonymous Arnaldão disse...

Meninas, espumante para excitar? Só pra mulher mesmo!

12 de novembro de 2007 22:22  
Blogger Thiane disse...

Oi meninas, tô sumida, eu sei... mas já tô dando um jeito nisso. Olha, essa vaca aí é mto mimada mesmo. Mas como disse um boi aí pra cima: broxadas refletem culpa, estresse, algum probleminha oculto. É um alerta de que a história necessita de um bom papo. Beijocas

12 de novembro de 2007 22:31  
Blogger MH disse...

MH é boi...rsrsrsrs...embora eu ja tenha encontrado um MH fêmea por ai. beijos.

13 de novembro de 2007 08:54  
Blogger Paola a Estranha disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

13 de novembro de 2007 09:07  
Blogger Paola a Estranha disse...

Querida vaquinha DM, sabia que a cor da próxima estação será o amarelo?
Então gata se prepare para o pior. rs
Um monte de amarelão andando pelas ruas. kkkkk

Ninguém merece amarelar, mas acontece nas melhores famílias.

Beijos bonita!

13 de novembro de 2007 09:09  
Blogger Ricardo Rayol disse...

bom, eu nunca broxei, mesmo depois de constatar que a arcada dentária d uma vaca que estava em conjunção carnal com minha pessoa bovina era falsa.

13 de novembro de 2007 10:13  
Blogger Eu e Ela disse...

Arnaldão.
Experimente um bom espumante!!!!
Não vai se arrepender!!!
Bjs

13 de novembro de 2007 13:12  
Blogger DM disse...

AMEI OS COMENTÁRIOS .... MAS FIQUEI PASMA DE VOCÊS ACREDITAREM QUE NUNCA PRESENCIEI UMA BROXURA LITERAL !!! NÃO PRESENCIEI MESMO E TENHO DITO .... MEU BOI ATUAL É ESPADÉRRIMO E CONTINUA FIRME NOS DEVERES CONJUGAIS ...

ME EXPLICO: SE ESTAMOS CANSADOS, STRESSADOS, NINGUÉM PENSA EM SEXO NESTA CASA, SIMPLESMENTE DESCANSAMOS E PONTO ... COMO FOX FALOU LÁ EM CIMA, SEXO POR OBRIGAÇÃO É F .... TO DESBOCADA HOJE ME DESCULPEM .... ENFIM ASSIM NUNCA VI MESMO ... AQUELA BROXADA, QUANDO TUDO MUNDO TÁ FIM E O CARA FALHA, ALGUM PROBLEMA NISSO ????

AGORA NÃO SOU TÃO OTIMISTA ASSIM, E ACHO QUE ISSO PODE ACONTECER.... E SE ACONTEÇER NÃO PRETENDO SURTAR QUE NEM A VACA DO TEXTO, NÃO VOU ME SENTIR MENOS GOSTOSA, MENOS ATRAENTE, ENFIM ... VOU CALMAMENTE CONVIDAR O BOI PRÁ TOMAR CHANDON E PRONTO !!!!

MAS COMO OUVI TANTO PAPO DE BROXURA DAS COLEGAS DE REBANHO, RESOLVI ESCREVER O TEXTO, COMO DISSE, NINGUÉM É INFALÍVEL, E NÃO DEIXARÁ DE SER MENOS HOMEM OU MULHER, POR UMA BROXURA EVENTUAL, OU ATÉ MESMO, POR NÃO ESTAR A FIM DE SEXO EM DETERMINADO MOMENTO !!!

TÃO DIFÍCIL ASSIM DE ENTENDER ???

EM GÊNERO, NÚMERO E GRAU COM A EU E ELA !!!!

BEIJOS BOIADA ATÉ O PRÓXIMO "POLÊMICO" TEXTO !!!!

DESEJO DO FUNDO DO CORAÇÃO QUE ESSA BOIADA NUNCA BROXE !!!! TORÇO POR VOCÊS !!!

13 de novembro de 2007 14:59  
Blogger Transgressor disse...

confesso que hoje eu amarelei!Amarelar de emoção ninguem tinha sacado!Igualzinho a primeira vez!Não sei como lidar.Tem que pedir licença?Oferecer Chandon Passion?Serve caipirinha de lima da Pérsia?Agora "discutir a relação logo após o evento" é sutil como uma vaca.....ôps!Como uma Anta....fica feliz....

13 de novembro de 2007 16:03  
Blogger DM disse...

Que linda essa sua amarelada transgressor ! Ofereça a CHANDON ...

Adão : A situação é a do texto! O cara broxou e a vaca logo após a broxura, surtou e queria explicações técnicas pelo evento !

Rayol: Fico feliz por você, que isso nunca te aconteça !!!

Sir: Não consigo comentar no seu blog, problemas técnicos !


Calma alma má: Estou com você, e com a eu e ela ...

Se a cor do verão é amarelo ... torço para que meu boi não amarele literalmente, de qualquer sorte não curto muito amarelo não .... Prefiro verde, azul, branco , vermelho !!!!

Fox- Depois da broxada Flauta ????? Rssss Why not, mas com CHANDON !!! Anyway, gostei do jogo de cartas, providencial numa hora amarela dessas !!!

Gente, fui .....

13 de novembro de 2007 18:20  
Anonymous Beth disse...

Fim de post?
Afffffffff....cheguei atrasada! Desculpa DM
Mas é o seguinte, não sou nada solidária. Se broxar com certeza eu começo a cair na gargalhada e digo a famigerada frase: meu bem isso acontece!
Mas acontece mesmo uai!
Já aconteceu comigo? Claro uai ... depois um dia cansativo na latuba diária. E aconteceu o contrário também - eu já broxei na hora H. Afinal, mulheres também broxam não é mesmo? Ou fingem, ou dão um chega prá lá? Sei lá...

beijos DM

13 de novembro de 2007 18:44  
Anonymous Beth disse...

Ahhhhh DM o pior de broxar de ambos os lados é a vingança do broxa: dias depois, ele lembra da broxada e se vinga. Afffffff..... ughhhhh..... eu odeio vingança besta.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

13 de novembro de 2007 18:51  
Blogger Transgressor disse...

Engraçado...como será a vingança de uma broxada?(!)

O bom de uma broxada é que depois,na proxima,há um carinho,um cuidado,fica parecendo"macaco em loja de louça " e que louça!Concerta-se tudo,os egos,a paixão,o desejo,enfim...Se banalisar a relação,a broxada é um santo remédio!rs...E não deixa de ser uma experiencia da vida real,que a DM não tem,tadinha!Inexperiente!!!!viu como o virtual é importante?Pode aprender antes acontecer,se acontecer...Não tô rogando praga não,hem!fica feliz...

14 de novembro de 2007 13:46  
Blogger luma disse...

Complexo isso, viu meninas?? Como diria a ilustre colega, é um evento que merece ser analisado sob vários aspectos - inclusive a pressão atmosférica. Homens meninos ou maduros, nenhum foge do medo de broxar - assim como a mulher também broxa, só que não é aparente. E dependendo da vontade de estar juntos, o pênis é apenas um acessório. Beijus

14 de novembro de 2007 18:15  
Anonymous Anônimo disse...

Ontem me lembrei tanto de vc´s....fui a um sexshop comprar uma fantasia básica p/ o mue love e qd cheguei lá a única fantasia que tinha era de uma vaquinha. Não contei conversa, e comprei a danada assim que vi...foi paixão a primeira vista...e não preciso dizer, né? Brinquei de fazendinha e fiz o maior sucesso...fantasia aprovadissima pelo love.

Bjo e sucesso

15 de novembro de 2007 10:41  
Blogger Renata Zonatto! disse...

Situação um tanto complicada...mas se vc nunca amarelou, um dia vai amarelar....é fato...
Beijinhos!

15 de novembro de 2007 22:41  
Anonymous Mulher Remédio disse...

Ninguém merece meeeeeeeesmo, hahaha...
Off post,
Meu link no teu blog roll tá do século passado, atualiza, please! Já saí do wordpress.com, fui pra muié raspirina.com e agora eu sou a MULHER REMÉDIO, hahahaha
http://www.mulherremedio.com
Xêro pra ti.

16 de novembro de 2007 09:04  
Blogger Kio & Lola disse...

oi! o kio voltou!

hihihihhi vacas neuroticas!

17 de novembro de 2007 04:58  
Blogger Mélica disse...

Oiii!!!
Vim desejar um ótimo fim de semana.. e ler as novidades por aqui!;)
Beijooos.. Aproveite bem o dia!

17 de novembro de 2007 13:35  
Blogger Claudya disse...

Quero saber porquê tem boi que diz que nunca 'broxou'? O boi (pelo menos o meu) pode 'broxar' sim, afinal, ele é feito de carne e osso. Bjs. Adorei o post.

19 de novembro de 2007 09:45  
Blogger Claudio disse...

Quem disse que nunca broxou ou nunca transou ou é um baita mentiroso.

Cartas de homens indignados com essa afirmação podem ser dirigidas ao JCF.

bjs

19 de novembro de 2007 16:49  
Blogger MakiN disse...

Vc escreve muito para esplicar uma idéia, gera um texto enorme... mas sempre muito bom de ser lido ^^


realmente amarelar na hora nao deve ser algo prazeroso, eu imagino a cara que a mulher nao deve fazer XD, por sorte ainda estou vencendo no curral

20 de novembro de 2007 13:16  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker