domingo, 30 de março de 2008

Como se tornar uma vaca aterrorizante em poucas lições II

Dando continuidade aos nossos trabalhos...

No penúltimo post citei só três tipos de vacas que amedrontam os homens... Há incontáveis tipos ainda. Na medida em que for me lembrando, publico aqui...

  • Vaca-cobra: Está sempre a espreita, pronta para dar o bote... Coisa que nunca faz antes da hora. É capaz de guardar mágoas por anos, esperando apenas o momento certo de reagir e atacar. Seu veneno, fortíssimo, é capaz de derrubar por terra até o relacionamento dos mais fortes.

  • Vaca-quem-manda-aqui-sou-eu: Ela veste as calças dentro de casa. Faz do homem gato e sapato. Decide com quem ele fala, como fala e se fala. Resolve aonde ele vai e quando volta e toma conta de cada passo dele. Prestem atenção: não estou falando de dominadora na cama, mas fora dela. Ao coitado, emasculado, só resta obedecer. Secretamente desconfio que, fora de casa, esse pastel, digo, homem, vá à forra, vestindo (ou seria tirando?) as calças e mandando ver no par de chifres bem caprichado na vacona-patroa que tem em seu sacrossanto lar. Mas... estou ciente de que há homem que gosta disso. E muito.

  • Vaca-meu-passado-me-condena: Essa bovina é muitíssimo comum... Está com um atual, mas sempre com os pensamentos no último. Não vê problemas em falar do ex o tempo todo. Bem ou mal.

  • Vaca-assombrada-pelo-passado: Esta é muito diferente da vaca anterior. Não está nem aí pro que se passou na vida. Às vezes, prefere nem se lembrar. Mas o passado do outro... Coitado do homem que tem uma dessas ao seu lado. Ciumenta até a ponta do chifre, essa vaquinha não consegue esquecer o passado de seu querido. É um tal de voltar a assuntos enterrados, vigiar a vida do cara, das ex... E haja saco, então...


Eu fiquei pensando muito se haverá mulheres que se ofendam com minhas descrições... Honestamente? Acho que não. Nesses casos, somos como bebês. Não nos reconhecemos ao nos olharmos no espelho... Ou não somos nada do que foi listado aqui. Ou, quem sabe, um pouquinho de cada? Minha intenção não é ofender, claro. Mas tão-somente informar e divertir.
Blogged with the Flock Browser

7 Comentários:

Anonymous Adao Braga disse...

Eu conheço umas três assim. Mas, tem cura! Basta pegar um peão bom em domar vacas brabas.

Umas três puxada de rabo, derrubando-a dentro da linha da competição... pronto!

30 de março de 2008 12:35  
Blogger darsh. disse...

UHAHUAHUAHU (para o comentário acima)

E acho que as vacas que idenficam e se ofendem nem se atrevem a reclamar né?
Já pensou: "oi, sou uma vaca-cobra, e não admito que..."
Se bem que elas devem se mostrar muito bem como ANÔNIMAS.
Coitadas.

30 de março de 2008 16:37  
Blogger Eu e Ela disse...

Esses tres tipos vivem no brejo né?????


Claro que nos identificamos, afinal somos todas umas vacas.....
O negocio é como vamos reagir a essa identificação.

A solução do Adão é 10.


Beijos

30 de março de 2008 17:30  
Blogger Eu e Ela disse...

mas a maioria não se ofendem, são vacas normais....


bjs

30 de março de 2008 17:35  
Blogger thiago disse...

[respondendo seu comentário]

se você pegar as notícias de acidentes graves sempre verá que em sua maioria eram as vítimas eram jovens. sempre se achando os "fodões" que sobreviverão a tudo. digo isso porque tenho muitos amigos que são assim.

[comentário respondido]

30 de março de 2008 18:19  
Blogger Ana Paula disse...

Adão, querido, no caso de aparecer alguma vaca na minha vida... vou lhe pedir a indicação de um bom peão, baiano arretado, pra me ajudar a resolver a situação, ok? Já que não tenho as ferramentas necessárias e disposição para tal! rs


darsh., o Adão é uma figura!
Acho que elas não se identificam, não... Seria muito mico, né? Admitir publicamente que é uma vaca aterrorizante?


Vivem no brejo e no esgoto, Sarah. Mas, infelizmente, elas chegam até nós... Sempre.
Na minha opinião, as vacas normais sempre apresentam, de quando em quando e só por pouco tempo, um pouco de características de cada vaca do terror... Mas as anormais apresentam essas características sempre. Haja saco.


Thiago, não perco uma oportunidade de "doutrinar" meu filhote quanto à isso, dirigir com responsabilidade.


Beijos, boa semana para todos!

31 de março de 2008 08:14  
Blogger Paola disse...

Que engraçado gostei do comentário da Darsh...
Você fez pesquisa de campo?
Beijos

31 de março de 2008 09:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker