quinta-feira, 15 de maio de 2008

JOGO DE DAMAS OU DE VACAS ?


  • Chegou-me as mãos, recentemente, um interessante e divertido livro, do cronista e escritor gaúcho David Coimbra, intitulado “JOGO DE DAMAS”, que retrata de forma divertida e satírica, dentro de uma concepção estritamente bovina masculina, - e diga-se passagem - eminentemente machista, vários episódios da história da humanidade desde os primórdios da existência dos bois Neantherthal e de seu sucessor subseqüente, o boi “Homo Sapiens” na Terra.

    Do retrato cronológico do autor, desde a constada presença do homem na Terra, e dentro da particular, inusitada e por vezes hilária ótica do boi escritor, fomos NÓS AS VACAS, as grandes responsáveis pela agregação do homem de forma monogâmica a uma vaca, ou seja: Pela instituição da sociedade e da formação de uma família, nos moldes contemporâneos (instituição do casamento, por exemplo), além de grandes responsáveis, pela decadência e derrocada de grandes impérios, a exemplo do Império Romano, Bizantino, etc.

    Justificou ainda o autor, em seu primoroso e divertido ensaio histórico, que as grandes “zicas” do mundo antigo, se deram assim, em função de NÓS, "POBRES E PACATAS VACAS", em razão de sempre havermos exercitado com furor e de forma inescrupolosa, a manipulação sobre os homens, visando a nossa própria locupletação pessoal, em qualquer seara de interesses, geralmente de ordem material. (Aqui, o boi pegou pesado contra nós)!

    A citada manipulação feminina sobre os homens, segundo o escritor, sempre se deu historicamente através daquilo, que os bois mais apreciam na vida, ou seja: Cerveja! Não, não, eu queria dizer mesmo, SEXO!

    Para tanto, trouxe o boi escritor à colação, em seu bem-humorado e interessante relato histórico, exemplos crassos de memoráveis VACAS mesmo! As quais, - não dá prá negar-, sem sombra de dúvida, de fato exerceram, com primor, a melhor acepção do que aqui, sempre foi por nós mesmas, consideradas, verdadeiras VACAS!

    Citou figuras de peso, do universo histórico bovino feminino, a exemplo de: Cleópatra, Messalina, Lucrécia Borgia, Catarina de Médicis, Lou Salomé, só para citar, eu diria, as mais emblemáticas e de domínio público, para quem aprecia história, é claro !

    Como vaca consciente que sou, não pude deixar de reconhecer, que de fato, “manipular” um boi, utilizando-se de jogadas eróticas e sedutoras, não é coisa das mais difíceis de se realizar, afinal é de domínio popular, que bois, de um modo geral, por um bom RABO BOVINO, sempre perdem a cabeça!

    Mas no exercício da citada manipulação bovina erótica, é mais do que necessário também, lembrar que o boi “manipulado”, sempre se deixa voluntariamente manipular, pois caso contrário, esse perigoso, mas não menos sedutor, JOGO DE DAMAS (VACAS) não teria começo, nem meio, que dirá um fim, propriamente dito, e não estaríamos aqui, discutindo a evolução histórica de machos e fêmeas da espécie “COW SAPIENS” ...

    Mas uma coisa nisso tudo, é mais do que certa: Quem já veio com a “sacanagem” embutida no DNA, foram os próprios BOIS. Arrisco-me assim a dizer, que a nós VACAS, historicamente , incumbiu apenas a “refinação”, a sutileza da sacanagem, e quem sabe até, uma certa intelectualização da mesma, o que me conduz a irrefutável conclusão de que: Se tudo isso vier mesmo, a ser usado para maus propósitos, acabará sempre em uma irremediável ZICA BOVINA, que poderá até mesmo, mudar os rumos da história, na forma tão bem explorada, pelo autor!

    Agora, convenhamos: Se eventualmente alguns bois, não se seguram nas calças, a culpa é exclusivamente das VACAS ? Certamente que não ! Um jogo por mais simples que seja, é sempre jogado a dois, e cabe aos partícipes do mesmo, sempre avaliar com precisão suas reais possibilidades ... no JOGO !

    Jogar só guindado pelo instinto, ao longo de milhares de anos de existência na Terra, denota a pouca, lenta e gradual, evolução de alguns bovinos, que assim agindo, de forma voluntária e a seu livre arbítrio, certamente ficaram a mercê de toda a sorte de VACAS do tipo inescrupulosas ...

    Como pertencente ao grupo das BOAS-VACAS, divirjo portanto do Sr. boi David, pois a tônica de uma civilização em sua natural evolução, não se mostra restrita apenas à perpetuação da espécie, a procriação,e a tudo que envolva sexo, há por certo outros valores em sociedades evoluídas, ainda que sempre de uma certa forma, regidas indiretamente pelo SEXO !

    Se eventualmente ainda alguns bois não conseguem controlar seus mais primitivos instintos, me limito então a mugir: SO SORRY ! E, agradeço então aos céus, por ter nascido uma VACA, mais evoluída por certo !

    Fujo, como o diabo da cruz, de bovinos pouco evoluídos assim, mas que alguns certamente ainda andam soltos por aí, no meio dessa infindável boiada, isso é fato!

    - Agora,quer saber de uma coisa, Sr. boi-escritor David Coimbra ? - Vai pastar!!! Mas, é inegável que dei belas risadas com seu livro ! Se a supremacia das VACAS sobre os BOIS,ainda permanece e se dá apenas pelo SEXO, que assim seja AMÉM !



10 Comentários:

Blogger Ana Paula disse...

A-DO-REI!

Beijos!

16 de maio de 2008 10:06  
Blogger Antônio J. Xavier disse...

Dm, Será que vc tb é uma "vaca" (ainda não me sinto bem usando o termo) "why horry"?
Bjinhos

16 de maio de 2008 12:28  
Blogger Beth disse...

DM minha vaca-mor queridona.
Boa resposta ao boi-gaucho.
Ele só esqueceu de enfatizar a inteligência de uma mulher que conseguiu destruir impérios tão somente por causa de sua competência sexual e burrice do general.
Fofa, também fujo de bois/antas assim: Por aqui, odiaria bater um papo-cabeça com um pênis. No mínimo, acenderia um cigarro e entraria em depressão.
beijocas amore

19 de maio de 2008 09:30  
Blogger Luma disse...

Tadinho desse gaúcho! Deve ter sido triste pra ele constatar que sua mãe também praticava sexo.

As mulheres na idade média não podiam demonstrar prazer ou mesmo se manifestarem a favor do sexo que eram taxadas bruxas. Imagina como deveria ser, se até os dias atuais muitas mulheres são reprimidas por algum boi chifrudo. É DM, somos todas umas vacas http://tinyurl.com/47fdej
Boa semana! Beijus

19 de maio de 2008 13:06  
Blogger Thiane disse...

Gente, que livro é esse! Adorei o post. Que sejamos todas muito vacas mesmo que é o que eles merecem! Beijos

20 de maio de 2008 12:24  
Blogger Maldito disse...

Eu já li "Mulheres" do David Coimbra,...mas vou procurar por este agora,...
Parabens pelo blog!
Inté!

21 de maio de 2008 09:39  
Blogger MH disse...

Tão simples assim: homens tem "sacanagem" no seu DNA. Você matou a cobra e...enfim, você matou a cobra. Homens são sacanas..o resto é desculpinha esfarrapada.

21 de maio de 2008 19:25  
Blogger Bill disse...

Muito boa a sua resenha do livro em questão, DM! Deu até vontade de ler, sabia?
Bjooooooooosssssssss!!!
E vê se aparece de vez em quando GGGGGGRRRRRRRRRR!!!!!!

24 de maio de 2008 21:59  
Blogger Lisany disse...

Também fujo de bovinos pouco evoluídos.

10 de fevereiro de 2009 17:22  
Anonymous Anônimo disse...

Dê poder às vacas que elas agirão como bois, com toda certeza.
O resto é choramingo de quem ficou do lado mais fraco.

11 de novembro de 2013 11:43  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



 

 

Um olhar feminino sobre o universo... digamos, bovino. Mulheres falando da vida e de outras mulheres.
Mulheres explicando às outras que, querendo ou não, somos todas umas vacas!




A calma alma má
A cor da letra
Adão Braga - Corpo, alma e espírito
Adão Braga - Conectado
Aletômetro
All Racing
Apoio Fraterno
Ansiosa e prematura
Avassaladora
Banana com peperoncino
Bomba MH
By Oscar Luiz
Coisas e tralhas - Mutumutum
Colóquio
Concerto em Dó Menor
Conversas furtadas
Eu sei, mas Esqueci
Eu sou garota?
Fábio Centenaro
Geek Chic
Gothicbox
Hipermoderna
Immortal lust
Instant Karma
Isso é Bossa Nova!
Irmãos Brain
Jornal da Lua
Juarez, o cabrito montês
Limão Expresso
Luz de Luma, yes party!
Jogando Conversa fora
Mas, bah!
Mais atitudes
Matérias repugnantes de um brejo
Melica
Memórias póstumas de um puto prestimoso
Meu cantinho
MOrsa sem pelo
Mulher é tudo bandida
Mulher Remédio
Neuróticos modernos - Filosofia mequetrefe
O estranho mundo de Mila
Oncotô?
Os pensamentos de eu e ela
Paola, a estranha
Papo de buteco
Pensar enlouquece, pense nisso
Pererecas em chamas
Pérolas políticas
Remembrança
Saber é bom demais
Sem frescura
She's like the wind
Sinceros receios
Smile
Sobre sapos, pererecas e afins
Somos todos uns cachorros
Sou para-raio de doido
Uma mente nada brilhante
Van Filosofia
Vertente
Wolverine responde



Fevereiro 2007

Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Março 2009
Abril 2009
Dezembro 2009
Março 2010





Powered by Blogger



eXTReMe Tracker